quarta-feira, 28 de julho de 2010

TREs vetam 8 candidatos com base em ficha limpa desde segunda-feira Dois concorrem a deputado federal e seis a estadual. Eles podem recorrer. Nova lei torna inelegíveis os condenados em órgãos colegiados da Justiça.

A nova lei torna inelegível por oito anos políticos condenados em decisão colegiada e pune também quem renunciou para escapar da cassação do mandato.
Em todo o país, mais de 3.500 pedidos de impugnação de candidaturas foram feitos. Parte das impugnações se baseia na Lei da Ficha Limpa, mas a maioria, segundo os tribunais, tem como base falhas na documentação dos políticos.
Parabéns a todos os envolvidos na elaboração, implementação e principalmente na execução dessa lei,  agora cabe a nós eleitores antes de votar, investigar os candidatos em questão e avaliar se eles possuem "bons antecedentes" que nos faça crer que serão capazes de honrar com os seus compromissos perante ao seu eleitorado.
Afinal de contas, é fato que se ao termos o nome negativado junto ao SPC/SERASA, automaticamente temos o crédito barrado, negado, perante ao comércio.
Existe alguma explicação para que seje diferente com os nossos "Políticos".

Nenhum comentário:

Postar um comentário